RSS Twitter Contato

Minha Conta:

Esqueceu a senha?

CBF recebe dossiê dos 'campeões de 59 a 70' e clubes aguardam reconhecimento

Cruzeiro quer que Taça Brasil de 1966 seja reconhecida como título do Brasileiro

Bruno Furtado - Superesportes

(0) Comentários | Comentar | Votação | Tags:  

Publicação:

10/11/2010 16:01

 

Atualização:

10/11/2010 18:29

Arquivo EM
Cruzeiro campeão da Taça Brasil de 1966 sobre o Santos com vitórias por 6 a 2 e 3 a 2


O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, recebeu oficialmente nesta quarta-feira um dossiê dos clubes campeões nacionais entre 1959 e 70 no qual os mesmos pleiteiam o reconhecimento da entidade de quem foram os legítimos vencedores do “Campeonato Brasileiro” nos respectivos anos.

Dirigentes de Santos, Botafogo e Cruzeiro representaram os demais clubes campeões do período – Bahia, Palmeiras e Fluminense – e entregaram a Ricardo Teixeira três cópias do dossiê e um vídeo, no qual ex-jogadores e dirigentes confirmam que a Taça Brasil, disputada entre 1959 e 1968, e o Torneio Roberto Gomes Pedrosa, de 1967 a 70, eram os principais torneios nacionais da época, tanto que credenciavam seus campeões à Copa Libertadores da América.

Arquivo EM
Tostão vibra com gol sobre o Santos, na vitória por 6 a 2, no Mineirão, no jogo de ida da final da Taça Brasil de 1966
O Cruzeiro foi o campeão da Taça Brasil de 1966 sobre o Santos de Pelé.

No vídeo, figuras de peso, como o ex-presidente da CBF e da Fifa, João Havelange, e os craques Pelé, Raul Plassmann, Ademir da Guia e Paulo César Caju dão depoimentos importantes e reivindicam à CBF o reconhecimento dos títulos como “Campeonato Brasileiro”. O dossiê ainda se baseia em recortes de jornais e revistas da época.

Outro argumento forte usado pelos seis clubes é de que o campeonato nacional só passou a ser considerado “campeonato brasileiro” a partir de 1989 e já teve outras denominações, tais como Campeonato Nacional de Clubes (1971 a 74), Copa Brasil (1975 a 1980 e 1984 a 1986), Taça de Ouro (1981 a 1983), Copa União (1987 e 1988) e ainda Copa João Havelange (2000). Nem por isso seus respectivos campeões perdem o título de “campeão brasileiro”.

No encontro desta quarta-feira, com Ricardo Teixeira, o Santos foi representado pelo seu presidente Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro e o Botafogo pelo seu vice-presidente geral, Antônio Carlos Mantuano Sabato. Pelo Cruzeiro, foram à sede da CBF o diretor de comunicação Guilherme Mendes e o diretor de futebol Dimas Fonseca.
Arquivo EM
Cruzeirense Natal ergue a Taça Brasil naquele dezembro de 1966


Segundo Dimas, o encontro foi bastante agradável e o presidente da CBF se mostrou bastante impressionado com o dossiê. “O Ricardo Teixeira não fez nenhuma promessa, mas assumiu o compromisso de encaminhar o material para análise. De qualquer forma, saímos otimistas pela receptividade, pelo tratamento, pelo tom da conversa, em que o presidente da CBF valorizou todo o material”.

No encontro, Ricardo Teixeira evitou estabelecer um prazo para oficializar a posição da entidade aos seis clubes. “Ele também não quis expressar uma opinião, até para não deixar uma expectativa muito grande, e definitiva, mas ele foi muito receptivo e valorizou muito os documentos. Pela credibilidade das pessoas que aparecem no vídeo, deu para sentir que ele vai analisar com muito critério”, acrescentou o diretor de futebol do Cruzeiro, ao Superesportes. (UAI)

Leia mais: CBF vê unificação dos títulos nacionais como 'factível'

Os campeões da Taça Brasil e do Roberto Gomes Pedrosa:

Taça Brasil
1959 – Bahia
1960 – Palmeiras
1961 – Santos
1962 – Santos
1963 – Santos
1964 – Santos
1965 – Santos
1966 – Cruzeiro
1967 – Palmeiras
1968 – Botafogo

Roberto Gomes Pedrosa

1967 - Palmeiras
1968 – Santos
1969 – Palmeiras
1970 – Fluminense

Os 'Campeonatos Brasileiros' reconhecidos pela CBF:

Campeonato Nacional de Clubes – 1971 a 1974
Copa Brasil – 1975 a 1980 e 1984 a 1986
Taça de Ouro – 1981 a 1983
Copa União – 1987 e 1988
Campeonato Brasileiro – 1989 a 1999 e 2001 a 2010
Copa João Havelange – 2000

Compartilhe

| Mais

Comentar notícia

Verificando informações

Esta matéria tem:

(0) comentário(s)

Não existem comentários ainda


Blog do torcedor

Blogs e Colunas