Tênis

TÊNIS

Djokovic fatura o título em Tóquio; Melo perde a final de duplas em Pequim

Sérvio derrotou o australiano John Millman, por 2 sets a 0

postado em 06/10/2019 09:50 / atualizado em 06/10/2019 12:31

<i>(Foto: AFP / Behrouz MEHRI)</i>
O tenista sérvio Novak Djokovic conquistou pela primeira vez o Torneio de Tóquio, nesta madrugada de domingo, ao derrotar o australiano John Millman, por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, em apenas 1h09 de jogo.

Esta foi a quinta vitória do número 1 do ranking mundial no torneio, que tem nível de ATP 500. Nas rodadas anteriores, o astro já havia derrotado o belga David Goffin, o francês Lucas Pouille, o japonês Go Soeda e o australiano Alexei Popyrin, sem conceder nenhum set a seus adversários.

Como aconteceu nos jogos anteriores, o sérvio não demonstrou qualquer sinal de dor no ombro esquerdo. Uma lesão no local havia forçado o seu abandono nas oitavas de final do US Open, no mês passado. Ao longo da semana, garantiu que está 100% recuperado do problema físico.

Para vencer Millman, Djokovic concentrou suas bolas no revés do número 80 do mundo, que acabou cometendo vários erros. Desta forma, o sérvio se sagrou campeão de um torneio pela 76ª vez, após a disputa de 110 finais na carreira.

O tenista, de 32 anos, alcança 46 vitórias no ano, superando o suíço Roger Federer e só ficando atrás do espanhol Rafael Nadal (48) e do russo Daniil Medvedev (54).

Em Pequim, a dupla formada pelo brasileiro Marcelo Melo e pelo polonês Lukasz Kubot, cabeça de chave número 2, perdeu a final para o eslovaco Filip Polasek e para o croata Ivan Dodig, por 2 seta a 0, com parciais de 6/3 e 7/6 (7/4).

Depois de um primeiro set bastante equilibrado, decidido apenas com uma quebra de serviço, Melo e Kubot, que buscavam o segundo título na capital chinesa, reverteram um placar de 0 a 2 para 5 a 2, mas deixaram a disputa ir para o tie-break e não tiveram mais chance de vitória.

Melo e Kubot continuam fortes na disputa por uma vaga para o Finals de Londres, que poderá ser definida nesta semana, no Masters de Xangai, onde defenderão o título.

Quem já estreou em Xangai foi Bruno Soares, que, junto com o canhoto croata Mate Pavic, venceu os franceses Adrian Mannarino e Gael Monfils, com um duplo 6/3.

Tags: John Millman Novak Djokovic Torneio de Tóquio final tênis tenis maisesportes