Vôlei

LIGA DAS NAÇÕES

No tie break, Brasil perde para Itália no segundo jogo da Liga das Nações

Time de Renan Dalzotto vinha de vitória na estreia contra a anfitriã Sérvia

postado em 26/05/2018 14:25 / atualizado em 26/05/2018 14:29

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Divulgação/FIVB
Neste sábado, pelo segundo jogo da Liga das Nações de vôlei, a Seleção Brasileira masculina não teve vida fácil. Diante da Itália em Kraljevo, a equipe verde e amarela saiu na frente, sofreu a virada, e até conseguiu forçar o quinto set. Porém, no tie break, Zaytsev liderou os italianos rumo ao triunfo, fechando o jogo em 3 sets a 2, com parciais de 18/25, 25/19. 25/21 e 15/8.

O time de Renan Dalzotto vinha de vitória na estreia contra a anfitriã Sérvia por 3 sets a 0 conhece sua primeira derrota na competição. A Seleção volta à quadra neste domingo, para a terceira partida, que será disputada contra a Alemanha, às 11h (de Brasília). Esta é a primeira edição da Liga das Nações, que "substitui" a extinta Liga Mundial de Vôlei, da qual o Brasil era o maior campeão da história, com nove títulos.

O Jogo

O Brasil teve vida fácil no primeiro set, que venceu por 25 a 18. O saque brasileiro entrou bem e dificultou a vida dos italianos, que cederam nove pontos em erros. O ponto decisivo, inclusive, foi em ace de Leo, o segundo do time no set.

O segundo set foi o oposto do primeiro. A Itália começou melhor, conseguiu abrir vantagem considerável ao longo da parcial e, apesar de um esboço de reação do Brasil, fechou o set em 25 a 19. O último ponto da parcial, em desafio vencido pelos italianos, gerou reclamações dos brasileiros.

No começo do terceiro set, pela primeira vez o jogo foi equilibrado. O Brasil voltou à quadra com a mesma intensidade da primeira parcial, mas a Itália tinha em Zaytsev o melhor jogador em quadra. No final da parcial, o equilíbrio do começo desapareceu, com os italianos abrindo vantagem, incluindo três aces seguidos de Nelli. Pouco depois, Zaytsev fechou o set em 25 a 21.

A quarta parcial seguiu o roteiro da anterior e começou parelha, sem que nenhuma das equipes conseguisse abrir vantagem considerável. Zaytsev seguiu sobrando em quadra e a Itália se mantinha à frente por dois ou três pontos de diferença. O final do set foi apertado, com o Brasil chegou ao empate, virou a partida na sequência e teve dois set points, ambos desperdiçados. No terceiro, porém, Walace não perdoou e no bloqueio, fechou o set, forçando o tie-break.

O equilíbrio mais uma vez imperou no início do quinto e decisivo set. A Itália se impôs e conseguiu abrir cinco pontos de frente. Liderados por Zaytsev, os italianos mantiveram a diferença no placar, chegaram ao match point e fecharam a partida.

Tags: volei maisesportes