Mais Esportes

CORRIDA

Inscrições de corrida de obstáculos, realizada pela 1ª vez em Brasília, terminam segunda

Nem todos os obstáculos são conhecidos pelo participante inscrito, o que torna a prova mais inesperada

postado em 07/12/2018 15:18 / atualizado em 07/12/2018 16:12

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Invictus Race/Divulgação
Similar a um treinamento militar, a corrida de obstáculos tem se tornado uma prova em alta no calendário das corridas de rua. Realizada pela primeira vez em Brasília, a Invictus Race chega para integrar o calendário de provas do DF no sábado (15/12). As inscrições estão abertas até a próxima segunda (10/12). 

Apesar de se parecer com um treinamento feito por soldados, o diretor de marketing da empresa Hanker Live MKT, realizadora da corrida, Bernard Moura, afirma que a intenção da prova não é ser somente um desafio físico. “O objetivo da prova não é achar um super herói. Mas as pessoas devem se sentir assim por superar os desafios com diversão”, afirma. 

De acordo com o diretor, a prova não tem caráter competitivo e todos os atletas recebem medalhas. O percurso de 7 km será marcado pela presença de 13 obstáculos montados para dificultar a vida do corredor. Para Diogo Ferreira, um dos participantes inscritos na prova, a corrida de obstáculos é uma forma de sair da rotina do calendário de treinos e corridas comuns. “Vou participar para me divertir na prova. Apesar de ter trechos corridos, é uma prova diferente e dinâmica”, comenta.

O servidor público Diogo Ferreira introduziu a corrida em sua vida em 2015 após passar por uma cirurgia bariátrica. Na época, Diogo pesava 160kg e a mudança de vida aliada a prática da modalidade o fez perder 70 kg. O corredor já havia competido em uma prova parecida em 2016, mas está ansioso para participar novamente. “São desafios que não estamos preparados e você tem que fazer força de outras formas”, conta. 

Um dos obstáculos é chamado de “sucuri” já que o participante tem que rastejar por quatro metros para ultrapassá-lo. No entanto, nem todos são conhecidos pelo participante inscrito, o que torna a prova mais inesperada. 

Chuva é bem-vinda

A lama também está garantida no percurso. Para isso, a previsão de chuva comum nessa época do ano é bem-vinda na prova. “A gente sempre faz a prova nessa época porque a chuva é um componente ideal para o percurso que tem muita lama”, conta Bernard. 

Programe-se 

Circuito Jardins Invictus Race 2018
Onde: região entre os Lagos Norte e Sul (a 20 minutos da Ponte JK)
Percurso: 7km com 13 obstáculos construídos
Quando: 15 de dezembro (sábado), com largada às 16h
Inscrições: podem ser feitas pelo site da prova por R$ 120 até segunda-feira (10/12)